Recuperação econômica do Brasil no período pós-pandemia

A economia brasileira vem enfrentando grandes dificuldades nos últimos anos, principalmente com a pandemia que fez milhares de vítimas só no país onde só no Brasil diariamente estavam morrendo mais de 3 mil pessoas. O pensamento positivo estava sendo bem difícil de manter tanto no controle da situação sanitária quanto na economia. Fora todas as vítimas feitas e milhares de pessoas com sequelas da doença a pandemia também provocou um aumento significativo na taxa de desemprego onde muitas empresas tiveram que fecharem suas portas e demitirem seus funcionários.

A situação econômica com o início da vacinação e novas estratégias de funcionamento no meio das restrições fizeram com que a situação passasse a melhorar um pouco e a visualização de uma recuperação econômica no período pós-pandemia passou a ser mais possível, onde diversos funcionários já começam a pensar no valor do salário mínimo em 2022.

É nítido que todas as consequências que a pandemia trouxe foram gravíssimas e mesmo com o novo salário comercial que sofre um aumento todos os anos muitos brasileiros vão enfrentar enormes dificuldades financeiras provocas pelo aumento dos preços durante o período pandêmico e a gestão política do país.

O salário-mínimo comercial é diferente para cada estado do Brasil devido as categorias trabalhistas que seguem. Diferentes profissões e diferentes costumes regionais fazem com que o valor pago sempre varie trazendo novidades aos funcionários da área. Os profissionais do comercio trabalham horas a mais que muitas profissões e devido a isso possuem um salário diferente e ainda podem ganhar por suas atividades extras, fazendo o salário ficar maior que a base.

As profissões que hoje recebem o salário comercial são:

  • Atendente;
  • Balconista;
  • Auxiliar contábil;
  • Caixa;
  • Fiscal de caixa;
  • Encarregado de atendimento;
  • Auxiliar de caixa;
  • Controlador de estoque;
  • Empacotador;
  • Gerente de loja;
  • Fiscal de loja;
  • Conferente;
  • Repositor;
  • Fiscal de segurança;
  • Supervisor de loja;
  • Auxiliar de seção;
  • Gerência comercial;
  • Promotor de vendas;
  • Vendedor;
  • Cartazista;
  • Encarregado de armazém;
  • Zelador;
  • Supervisor de frente de caixa;
  • Frentista;
  • Inspetor de segurança;
  • Gerente de departamento;
  • Segurança;
  • Gerente geral.

Esses trabalhadores enfrentam cargas horarias mais pesadas e ainda um maior desgaste por trabalhar, em sua maioria, diretamente com o público. No setor varejista os profissionais trabalham muito pois possuem uma demanda muito maior que outros cargos, então sua remuneração é um pouco maior devido a isso. Mesmo com o aumento das atividades a serem realizadas nesses setores do comercio muitas pessoas acabam escolhendo essas áreas devido ao valor do salário que comparado ao salário mínimo possuem uma diferença considerável.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *