Ministro da Cidadania, Osmar Terra, abre Reunião de Ministros da Cultura do BRICS

O encontro tem como objetivo discutir ações de estímulo à Economia Criativa nos países integrantes do Bloco (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). Ministro falará com a imprensa às 12h30

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, abre nesta sexta-feira (11), às 9 horas, no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba, a 4ª Reunião de Ministros da Cultura do BRICS. O encontro tem como objetivo discutir ações de estímulo à Economia Criativa nos países integrantes do Bloco (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul).

Além da reunião de Ministros da Cultura, o Brasil, que ocupa a Presidência pro tempore do Bloco, também sedia a Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba. A partir de 12h30, o ministro da Cidadania, Osmar Terra, concederá entrevista coletiva à imprensa.

 A denominada Economia Criativa é um forte motor de inclusão social, inserção cultural e desenvolvimento econômico.  No Brasil, mesmo nos anos de retração da economia nacional (2013 e 2015), a Economia Criativa foi a que menos sofreu impacto, registrando um crescimento equivale a R$ 155,6 bilhões de reais, naquele período. O setor, portanto, é de suma importância para o Governo do Estado do Paraná.

saiba mais: Grupo itelligence chega a um acordo para adquirir participação majoritária da FH no Brasil

“Deliberei apoiar a Economia Criativa no Paraná, por meio da implantação da unidade Paraná Criativo, que visa ao apoio e ao fomento a empreendimentos no campo da economia criativa”, afirma o governador Carlos Massa “Ratinho” Júnior.

A Unidade Paraná Criativo terá sede na Casa João Turin (patrimônio histórico, em reforma, contando com recursos provenientes do Ministério da Cidadania, na ordem de R$ 1,5 milhão), com previsão de inauguração no primeiro trimestre de 2020.

Por meio desta unidade, o Estado do Paraná, demonstra seu apreço à cultura e aos artistas paranaenses vinculados à Economia Criativa nas mais diversas áreas.

“De outro lado, também no campo da economia criativa, lançamos no segundo trimestre deste ano, em parceria com a União, por meio da ANCINE, um Edital para o Desenvolvimento e Produção Audiovisual, no valor de R$ 10 milhões de reais (R$ 8 milhões, da ANCINE, e R$ 2 milhões, do Tesouro do Estado do Paraná)”, complementa Ratinho Júnior.

Saiba mais: 10 mandamentos para alcançar o sucesso financeiro em 2020

Para fomento e apoio ao setor de audiovisuais, o Estado do Paraná está lançando, ainda este ano, a film commission, com o intuito de atrair produções, dar suporte e fomentar o desenvolvimento da cadeia produtiva do autidovisual, agregando valor ao patrimônio local, ao tempo em que promove e incentiva o turismo e o comércio, com consequente geração de trabalho, emprego e renda.

“Encontrar estratégias de parceria entre os países do BRICS para o desenvolvimento da economia criativa e da Indústria 4.0 é, sem dúvida, um caminho para o desenvolvimento sustentável deste segmento que, acima de tudo é intensivo de mão de obra, capaz de gerar externalidades de inclusão econômica e social”, completa o governador.

Serviço

Abertura da Reunião de Ministros da Cultura do BRICS

Data: 11/10/2019

Local: Museu Oscar Niemeyer – Rua Marechal Hermes, 999, Centro Cívico, Curitiba (PR).

Horário: 9h

Clique aqui para mais noticias sobre empreendedorismo na região

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui