Black Friday para investidores: bancos, gestoras e fintechs aderem à promoção

Economista dá dicas para quem deseja aproveitar a Black Friday investindo em produtos financeiros

A Black Friday já não é mais vista como estratégia exclusiva do setor varejista para alavancar as vendas na reta final do ano. Na próxima sexta-feira, dia 29, o consumidor que está de olho no mercado de investimentos encontrará boas “pechinchas” no portfólio de produtos financeiros de diversos bancos, gestoras e fintechs, bem como de relatórios e cursos voltados para educação na área.

As oportunidades variam de opções de investimentos com rendimentos maiores, redução do aporte inicial, isenção da taxa de corretagem, entre outros benefícios. Fabio Louzada, economista e CEO da startup Eu Me Banco, dá dicas para quem deseja ser investidor (e não gastador) nesta Black Friday.

 

“Antes de aplicar é preciso se informar sobre investimentos, por isso aproveitar as ofertas de cursos e relatórios é uma boa forma de aprender mais sobre o mercado. Para os investidores experientes terão ótimas opções de investimentos com rendimentos maiores e valor de aplicação mais acessível. Para não cometer erros, a dica é se atentar ao perfil investidor. Não adianta um cliente conservador querer aplicar em ações só porque está com taxa zero, agora, se o investimento for aderente ao seu perfil, invista sem medo, é uma ótima oportunidade!”, garante Louzada, que atuou como consultor de investimentos no Bradesco Prime, Santander Select, Citibank e Itaú Personalité.

 

Corretagem zero, cashback e aportes reduzidos

 

O Banco do Brasil oferecerá corretagem zero para compra e venda de ações. O Bradesco dará ao público a oportunidade de comprar moedas estrangeiras com recurso de cashback em parceria com a Livelo.

 

O Banco Inter dará destaque aos produtos de renda fixa, com aportes a partir de R$ 100 em LCIs (letras de crédito imobiliário) com prazos e 720 dias e 1.080 dias receberão, respectivamente, 98% e 100% do CDI. A Easynvest vai ofertar fundos de investimentos e de previdência, além de outros títulos e CDBs com aporte mínimo reduzido em 50% e rendimento de 130% do CDI. Fabio Louzada destaca outras oportunidades anunciadas para a Black Friday.

 

“A Infomoney está com promoções em cursos e relatórios. A Suno Research e a Eleven, que são casas de análises, também estão com promoção. Elas geram relatórios diários sobre o mercado financeiro e fazem recomendações de forma isenta, já que podem recomendar qualquer produto do mercado financeiro sem viés”, explica.

 

Eu Me Banco vai participar da Black Friday com um diferencial: realizará em conjunto uma ação solidária. Até 30 de novembro, a startup dará 90% de desconto no curso preparatório para a certificação CPA-20 (de R$ 577 por R$ 57,70) e destinará 100% da renda para um Lar de Crianças a definir.

 

_

*A CPA-20 é destinada aos profissionais que atuam na distribuição de produtos de investimento para clientes dos segmentos varejo alta renda, private, corporate e investidores institucionais em agências bancárias ou plataformas de atendimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui