Sua empresa está usando o marketing em todo seu potencial? – DJ Castro

Sua empresa pode usar todas as ferramentas do marketing para conquistar o mercado.

Hoje, no Brasil, todas as empresas se utilizam do marketing em uma ou outra situação. Mas será que a sua empresa está usando todas as ferramentas do marketing de forma efetiva? Infelizmente, na maioria das vezes em que se fala de “marketing” nas empresas brasileiras, está se falando de comunicação ou promoção. Elas são importantes pra o marketing, mas são apenas uma parte do que o marketing efetivamente pode fazer numa empresa.

Marketing Estratégico: Muito além do P de promoção

Na definição clássica, cristalizada por Philip Kotler, o mix de marketing é composto por 4Ps (Preço, Praça, Produto e Promoção). Quando se fala de marketing de serviços, inclui-se mais campos: pessoas, percepção física, processos e performance (completando 8Ps). E existem outros frameworks mais abrangentes. Mas o marketing vai muito além desses itens. Segundo o próprio Kotler: “O Marketing deve direcionar a estratégia do negócio”. É o marketing que conecta as potencialidades da empresa, sua capacidade produtiva, desenvolver produtos e serviços, de inovar, de atender clientes, com as necessidades do mercado, ou seja, uma empresa deve utilizar o marketing de forma estratégica para alinhar todas as ações da empresa. Como afirmam Malcolm McDonald e Peter Mouncey no livro Marketing de Resultado: “Marketing, nesse sentido estratégico mais amplo, está estreitamente correlacionado a valor para o acionista”.

Mas a realidade mostra que, muitas vezes, o marketing é relegado a um segundo ou terceiros planos na estratégia da empresa. Os planejamentos estratégicos são feitos dando ênfase à estrutura física, aos números financeiros e o “marketing” fica limitado a uma função operacional, apenas executando campanhas e atendendo clientes internos.

Estrutura para o Marketing

Um sintoma disso é a disparidade entre os cargos das áreas comerciais e de marketing dentro da empresa, por exemplo, a empresa tem um diretor comercial, mas no marketing o cargo mais alto é coordenador, então surge a pergunta: Como é a estrutura de cargos na sua empresa nessas áreas? Se há esse tipo de diferença, há espaço para corrigir o formato de trabalho.

Os norte-americanos, que consolidaram o marketing como ferramenta estratégica e criaram as maiores marcas do mundo tem a seguinte abordagem: o marketing define a estratégia, e a área comercial implementa as ações e, mais do que isso, essas áreas trabalham em conjunto para alinharem toda a estratégia, com foco nos resultados.

O marketing estratégico serve para definir os mercados e entender o valor de oportunidade; determinar a proposta de valor; entregar o valor e monitorar o valor. Esse é um processo constante que envolve todas as áreas da empresa. Tudo que toca o mercado tem que passar pela visão estratégica de marketing, do RH à logística, da engenharia de produto ao atendimento ao consumidor.

O CEOs, conselheiros e gestores de empresas tem que entender o valor intrínseco de investir na estruturação do marketing e dar autonomia para está área. Mas, muito mais do que isso, o marketing deve ser entendido por todos na organização como um fator crítico para o sucesso. E na sua empresa, o marketing é estratégico?

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui