BOVIEXPO inicia nesta quinta-feira em Chapecó

Evento realizado pelo Sindicato Rural de Chapecó tem apoio do Sistema Faesc/Senar, Sicredi, Cooperalfa, Sebrae, Prefeitura e Núcleo de Criadores

A cadeia produtiva da pecuária de corte e leite estará reunida em Chapecó a partir desta quinta-feira (dia 7 de novembro), no Parque de Exposições Tancredo de Almeida Neves (Efapi), para a primeira edição da BOVIEXPO. As atividades prosseguem até sábado (dia 9) e incluem palestras de alto nível, exposição de gado e leilão de animais.  A iniciativa é do Sindicato dos Produtores Rurais de Chapecó com apoio do Sistema Faesc/Senar, Sicredi, Cooperalfa, Sebrae/SC, Prefeitura de Chapecó e Núcleo de Criadores de Bovinos.

Cerca de 2.000 visitantes-compradores devem comparecer ao parque de exposições. A entrada será gratuita para pedestres e veículos. A feira movimentará 2 milhões de reais com a venda de animais, máquinas e equipamentos, prevê o presidente do Sindicato Rural de Chapecó e vice-presidente regional da Faesc Ricardo Lunardi.

Uma das atividades será a Oficina Técnica do ATeG (programa de assistência técnica e gerencial) que acontecerá no dia 7 (quinta-feira), no período da tarde, no Parque da Efapi. A oficina iniciará às 13h30 e abordará dois assuntos:  “Fatores que influenciam na taxa de prenhez”, com o palestrante Fabio Pereira Neves e “Como escolher os touros/sêmen para a IATF (inseminação artificial por tempo fixo),” com o professor Diego de Córdova Cucco.

A coordenação da feira antecipou que o avaliador (juiz) da raça Angus será Antônio Francisco Chaves Neto, de Arapongas (PR); da raça Jersey será Leandro Tenfen, de Braço do Norte (SC) e da raça Charolês, Sidney Massaroli, de Caçador (SC).

A programação geral da BOVIEXPO contempla exposição e julgamento de raças de corte e de leite, leilão de bovinos de corte, exposição de máquinas, equipamentos e insumos agropecuários, rodeio de laço, entre outras atividades.

No leilão de bovinos de corte serão ofertados 500 animais. Outros 300 animais estarão à galpão para venda direta entre os criadores e interessados.

“O objetivo é estimular o desenvolvimento da bovinocultura de corte na região por meio da realização da feira para melhorar o desempenho produtivo e financeiro da atividade”, explica Lunardi.

Uma parcela dos bovinos que irão à venda é formada por animais padronizados e produzidos através do projeto de inseminação artificial por tempo fixo e por produtores que participam do programa de assistência técnica e gerencial em Pecuária de Corte, desenvolvido no Estado pelo Sistema Faesc/Senar.

Expositores e visitantes da BOVIEXPO poderão frequentar a Oktoberfest 2019 que ocorrerá no mesmo Parque de Exposições Tancredo Neves (Efapi) nos dias 7, 8, 9 e 10 de novembro.

A programação resumida é a seguinte:

  • Dia 6 de novembro (quarta-feira), recepção dos animais a partir das 8 horas da manhã.
  • Dia 7 (quinta-feira), a partir das 8h30, julgamento de bovinos de corte, válido para o ranking oficial dos eventos pecuários de Santa Catarina. Às 13h30 inicia a oficina técnica do ATeG.
  • Dia 8 (sexta-feira), a partir das 8h30, continuidade do julgamento de bovinos de corte e de leite.
  • Dia 9 (sábado), a partir das 9h30, julgamento de bovinos de leite e competições de equinos organizadas pelo Núcleo Catarinense da Raça Quarto de Milha. A partir das 14 horas, leilão de bovinos de várias raças e de reprodutores.

-> Para mais contéudos sobre empreendedorismo na região CLIQUE AQUI <-

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui