O Editor da Revista Business, Paulo A. Egerland, entrevistou Tiago Brandes, CEO da empresa de tecnologia Meus Pedidos, na sua sede em Joinville, Santa Catarina. Confira a primeira parte da entrevista, que teve foco nas novidades e nos planos futuros da empresa. A segunda parte será publicada em breve e vai abordar o evento Alcance 2018.

  • Quem é Thiago Brandes? Qual a sua formação acadêmica? Como iniciou na carreira de empreendedor?

Sou formado em Ciências da Computação pela UDESC em Joinville Eu e os outros dois sócios também, o Celso Tonelli e o Rafael Trapp. O nosso background é de programação. Nos conhecemos na faculdade, estudamos no mesmo período. Depois acabamos ainda trabalhando na mesma empresa, na Linx. Trabalhamos lá por uns 3 a 4 anos e em 2009 surgiu o desejo de empreender, de ter um negócio próprio, ser dono do próprio nariz. Não tínhamos nenhuma ideia ou algo que enxergássemos um potencial, mas estava claro que não queríamos trabalhar com fábrica de software e com desenvolvimento de projetos. Queríamos encontrar um problema, algo que fosse digno de dedicar bastante tempo para encontrar uma solução e construir algo sólido. Encontramos um problema de negócio que o pai do Celso Tonelli (sócio) estava enfrentando. Ele é representante de instrumentos musicais na Região Sul, com 15 marcas representadas aproximadamente e tem uma região de atuação bem grande. A gente analisou os problemas de gestão que ele tinha no seu negócio, tais organização de pedidos, ter um histórico correto das vendas e poder ter algum tipo de visibilidade sobre como está o negócio e principalmente a dificuldade operacional de você conseguir fazer o registro do pedido de uma forma fácil, rápida e prática. A solução começou a ser desenvolvida em torno desse problema. No início era apenas um módulo para gestão do representante e com o tempo o sonho foi ficando cada vez maior. Organicamente o próprio representante começou a nos levar para os outros lados da cadeia, tais como o distribuidor, o fabricante e assim ficamos mais por dentro das reais necessidades do mercado e enxergamos uma grande oportunidade. Decidimos então abraçar a cadeia toda, alcançando todo mundo que trabalha na venda até o produto chegar no lojista. O sonho foi crescendo e os desafios também.

  • Quais foram os principais desafios e obstáculos que tiveram que ser superados no início da empresa?

O primeiro grande desafio foi fazer a transição de ter uma mentalidade muito técnica, muito voltada para programação, em função da nossa formação e desenvolver uma mentalidade mais de negócios, de gestão de pessoas. Todo mundo teve que fazer essa mudança. Fazer essa transição de ser um “fazedor” para ser gestor e ser líder do time que vai construir a empresa foi um grande desafio. Algumas capacitações foram muito importantes nesse processo, como o Empretec do Sebrae SC e o apoio do Programa Startup SC, também do Sebrae.

  • Como funciona a plataforma Meus Pedidos e quais os principais diferenciais?

A plataforma Meus Pedidos oferece o suporte para toda a operação comercial de um fabricante, um distribuidor, um representante. O principal diferencial é poder ajudar os clientes a potencializar as suas vendas, eliminando o trabalho operacional por meio do aplicativo móvel, tornando o processo de registrar um pedido muito mais fácil e rápido. Esse pedido também é integrado com os principais softwares de ERP do mercado e assim o pedido pode ser faturado com um simples clique, evitando retrabalho desnecessário. Isso proporciona o máximo de produtividade no processo comercial. Outro diferencial é aproximar o fabricante, o fornecedor, o distribuidor do cliente final, do varejista. Isso é feito pela plataforma de e-commerce que permite ao lojista colocar o pedido diretamente para o fornecedor sem a obrigação de receber uma visita do vendedor. Isso é bom para os dois lados. O vendedor pode atender mais clientes em menos tempo, ganhar escala, trabalhar numa região maior e o cliente pode otimizar o seu tempo e ganhar com isso muito mais flexibilidade. Outro aspecto é a gestão comercial pois a plataforma Meus Pedidos apresenta indicadores do processo comercial de uma forma bem prática e intuitiva, tanto para o gestor quanto para o vendedor. Eliminação do trabalho manual, aproximação do fornecedor e do cliente e suporte para a gestão comercial, esses são os principais diferenciais.

  • Qual a taxa de crescimento médio da empresa e qual o faturamento de 2017?

Nos primeiros 5 anos a empresa teve um crescimento mais gradual. O foco era crescer somente com a geração própria de caixa. Em 2015 recebemos investimento de R$ 6 milhões, proveniente de dois fundos de Venture Capital, que aportam capital de risco em startups e desde então, nos últimos 04 anos, a empresa tem crescido de forma bem mais acelerada, em média 80% ao ano. Tínhamos no começo 10 funcionários, agora temos 100 funcionários e crescemos o faturamento em 10 vezes desde o aporte de capital. Foi o período do grande salto da empresa. O faturamento recorrente anual no final de 2017 foi de R$ 10 milhões. A mentalidade de inovação, o foco em buscar e potencializar os resultados para os nossos clientes, a cultura e o engajamento dos funcionários foram fatores determinantes para esse crescimento.

  • Quais são os principais planos futuros para a Meus Pedidos? Está na pauta o lançamento de algum novo produto ou funcionalidade?

Vamos lançar durante o evento Alcance 2018 uma funcionalidade para proporcionar maior flexibilidade na configuração da política comercial, para que os nossos clientes possam de forma bem simples inserir na plataforma e validar todas as regras, sem precisar de operadores para conferência comercial. Mas a principal novidade é que vamos lançar uma nova marca para o mercado. Essa mudança vai ocorrer porque chegamos a conclusão que o nome atual é muito limitante frente as diversas áreas de atuação da empresa. Estamos nos reinventando.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Informe seu comentário
Informe seu nome